Conecte-se conosco

Polícia

Polícia Civil em condenado por matar a esposa em Colombo

Alô Paraná

Publicado:

em

Polícia Civil prendeu, na terça-feira (11), um homem de 44 anos condenado por matar a mulher em Colombo há 12 anos. A prisão ocorreu na casa do condenado, no bairro Parque do Embu, após a sentença condenatória transitar em julgado. O homem matou Josiane Aparecida Xavier, 33, com um golpe de faca no pescoço na frente dos filhos de 8 e 14 anos.

O homicídio ocorreu no ano de 2007, no bairro São Gabriel. Horas antes de ser assassinada, Josiane tinha sido escoltada por policiais militares até em casa para buscar os pertences, em função da violência doméstica que sofria. Na ocasião, o marido estava em casa e convenceu a vítima a ficar na casa para reatar o relacionamento. Na sequência, o assassino matou a mulher em um dos quartos da casa.

Desde a data do crime, o homem utilizou de todos os recursos e remédios constitucionais disponíveis para não ser preso. Somente em 2018 foi decretada a prisão do criminoso pela 1ª vara criminal de Colombo, após a sentença condenatória transitar em julgado e determinar a pena de 11 anos e 3 meses de detenção.

O homem está preso no setor de carceragem da PCPR e permanece à disposição da Justiça.

Polícia

PF investiga estelionato contra a Caixa Econômica em Ponta Grossa e Curitiba

Alô Paraná

Publicados

em


A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira, 14, a Operação Broadway para investigar suposto estelionato contra a Caixa Econômica Federal.

“A ação tem como alvos pessoas suspeitas de produzirem documentos falsos para a abertura de contas fantasmas na instituição bancária”, diz a PF.

Policiais federais cumpriram mandados de busca e apreensão nas cidades de Curitiba/PR e Ponta Grossa/PR.

Segundo a PF, ‘as contas criadas pelos suspeitos eram utilizadas para fazer empréstimos fraudulentos junto à Caixa e outros bancos’. “Foi apurado prejuízo superior a R$ 1 milhão com as fraudes”.

“Durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão, foram apreendidos documentos, celulares e mídias. Em um dos celulares foram localizadas imagens de documentos de centenas de pessoas”, afirma a corporação.

Os envolvidos irão responder pelo crime de estelionato, cuja pena é de um a cinco anos de prisão. O nome da Operação faz referência ao apelido de um dos investigados, que é conhecido como “Drama”.

Continue lendo

Polícia

GM apreende cinco quilos de maconha no Boa Vista em Limeira

Alô Paraná

Publicados

em


Foto: Divulgação / Prefeitura de Ponta Grossa

A Guarda Municipal apreendeu, na tarde desta segunda-feira (10), cinco quilos de maconha na região do bairro Boa Vista, em Ponta Grossa (PR).

De acordo com a GM, um homem foi preso e encaminhado à delegacia da 13ª SDP para que fossem tomadas as providências cabíveis.

A ação teve início durante patrulhamento da equipe Alpha do Getam (Grupo Especial Tático com Apoio de Motocicletas) da Guarda Municipal e ao empreender abordagem junto ao condutor de um veículo Celta, cor prata, a equipe localizou aproximadamente cinco quilos de maconha no interior do automóvel, além de mais de R$ 300 em dinheiro.

Diante dos fatos, os agentes deram voz de prisão ao suspeito, que foi encaminhado ao Plantão Policial.

Continue lendo

Polícia

Polícia Civil prende suspeito de estuprar adolescente em Curitiba

Alô Paraná

Publicados

em


A Polícia Civil com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) cumpriu, nesta segunda-feira (10), um mandado de prisão contra um homem, de 41 anos, suspeito de estuprar uma adolescente de 14 e de tentar abusar sexualmente de outras três pessoas de 17, 19 e 21 anos. A prisão aconteceu no município de Palmeira, na região dos Campos Gerais. 

O homem estava sendo investigado desde o mês de janeiro deste ano, quando violentou a garota de 14 anos, bairro Campo de Santana. A vítima é muda e conseguiu contar o crime através de uma carta, onde escreveu em detalhes o que ocorreu, bem como a cor do carro e outras características físicas do suspeito. 

De acordo com a mãe da adolescente, a menina havia saído de casa para entregar o celular de sua irmã mais velha, o qual havia esquecido no local. A irmã mora há uma quadra da residência. No caminho de volta para a casa o suspeito abordou a vítima e a levou para um trilho de trem próximo ao Contorno Leste, onde cometeu o abuso, e na sequência a levou para casa novamente.

A família relatou que a adolescente entrou em pânico em casa e por meio de gestos teria tentado dizer para a mãe o que havia acontecido. A garota contou que o homem era moreno e tinha uma tatuagem no braço esquerdo, exatamente como descrito por outras três jovens que relataram ser vítimas de tentativa de estupro.

Após a identificação do suspeito, as vítimas compareceram até a unidade policial que investiga o crime e fizeram o reconhecimento fotográfico do homem. A menina que foi vítima do estupro consumado, inclusive, demonstrou bastante nervosismo ao fazer o reconhecimento. 

Na delegacia, o suspeito negou o crime. Entretanto, o veículo utilizado em todas as ações criminosas, um Gol branco, foi apreendido e reconhecido por todas as vítimas, bem como a tatuagem no braço esquerdo, também já informada por todas as vítimas. 

O homem responderá por um estupro e três tentativas de estupro. Ele encontra-se detido à disposição da Justiça.

Continue lendo

EM ALTA